9min

Definir o Projeto da Continuidade do Serviço

O Registro de Continuidade é um processo que passa por várias fases.

Uma delas é a primeira fase deste processo, chamada de "Iniciação", na qual serão definidos a política, o escopo e o projeto desta Continuidade do Serviço de TI.

Diante disso, esta funcionalidade possibilita definir o projeto.

Antes de Começar

É necessário que haja um serviço definido, dentro de um processo de Gerenciamento de Portfólio e Catálogo.

Além disso, é fundamental ter o Registro de Continuidade já cadastrado, a política de continuidade do serviço já definida e o escopo da continuidade já registrado.

Depois, é necessário ter efetuado o cadastro prévio da ameaça e da categoria desta e vinculá-la à categoria de ameaça cadastrada. Também é essencial cadastrar, previamente, o risco e a categoria de risco.

Da mesma forma, é crucial cadastrar as ações automáticas de incidente, requisição e procedimentos referentes ao Gerenciamento de Eventos.

Procedimento

  1. Acesse a funcionalidade através da navegação no menu principal Processos > Gerência de Continuidade > Continuidade;
  2. Localize a continuidade que deseja vincular o projeto e clique no botão "Avançar";
  3. Na área Iniciação, clique em "Projeto";
  4. Clique no botão "Vincular Projeto", para relacionar um projeto já existente à continuidade;
  5. Para cadastrar um projeto a partir desta tela, clique no botão "Criar Novo Projeto" e preencha os campos necessários;
  6. Clique no botão "Gravar" para efetuar a operação.

O que fazer a seguir

Depois de definir o projeto da continuidade do serviço, é necessário executar a seguinte ação: cadastrar as funções vitais da continuidade do serviço, sendo que esta ação faz parte da segunda fase do registro completo da continuidade, chamada de Requisitos e Estratégia.