Ir para o conteúdo

Glossário

Acordo

Documento que descreve o entendimento formal entre duas ou mais entidades. Um acordo não tem laços legais, a não ser quando faz parte de um Contrato.

Acordo de Nível de Serviço (ANS)

Documento onde conta o acordo feito entre o Cliente e Provedor de Serviço, de TI com relação ao serviço prestado.

Acordo de Nível Operacional (ANO)

Acordo entre o Provedor de Serviços de TI e outra parte da mesma organização que auxilia no fornecimento de serviços.

Administração de Contratos

Um banco de dados ou documento estruturado usado para gerenciar Contratos ou Acordos de Serviço entre um Provedor de Serviços de TI e seus clientes. Cada serviço de TI entregue a um cliente deve possuir um Contrato ou outro Acordo o qual faz parte de Administração de Contrato.

Atividade

Conjunto de ações definidas para atingir um resultado específico. Atividades são normalmente definidas como parte de processos ou planos e são documentadas em procedimentos.

Ativo

Qualquer recurso ou habilidade. Ativos de um Provedor de Serviço inclui qualquer coisa que pode contribuir para a entrega de um Serviço. Ativos podem ser qualquer um dos seguintes tipos: Gerência, Organização, Processo, Conhecimento, Pessoas, Informações, Aplicativos, Infra-estrutura e Capital Financeiro.

Auditoria

Inspeção e verificação formal para confirmar se uma norma ou um conjunto de recomendações estão sendo seguidos, que registros estão exatos ou se as metas de eficiência e eficácia estão sendo atingidas. Uma Auditoria pode ser conduzida por grupos internos ou externos.

Avaliação

O Processo responsável pela verificação de um Serviço de TI novo ou modificado para garantir que os riscos foram gerenciados e para ajudar a determinar se devemos prosseguir com uma mudança. Avaliação também é o termo usado para quando queremos comparar um resultado real com um pretendido, ou comparar uma alternativa com outra.

Base de Conhecimento

Base de dados lógica que contém os dados do Sistema de Gerenciamento do Conhecimento de Serviço. Essas informações podem ser utilizadas na solução dos problemas apresentados.

Baseline

Referência usada como ponto inicial para uma comparação no futuro, ou seja, dados iniciais que representam a situação do processo, onde esta informação é utilizada para comparar com a situação atual pra saber se o serviço ou processo precisa de melhoria. Por exemplo: uma Linha de base do Gerenciamento da Configuração pode ser usada para possibilitar que a Infra-estrutura de TI possa ser recuperada de volta a sua configuração conhecida se uma mudança ou liberação falhar.

Baseline de Configuração

Baseline de uma configuração que tenha sido formalmente acordada e é gerenciada através do processo de Gerenciamento de Mudanças. Uma baseline da Configuração é usada como base para futuras Construções, Liberações e Mudanças.

Catálogo de Serviços

Base de dados ou documento estruturado com informação sobre todos os Serviços de TI em produção, incluindo aqueles disponíveis para Implantação.

Catálogo de Serviços do Negócio

Visão de quais serviços a TI oferece ao cliente e quais processos utilizam aquele serviço.

Catálogo de Serviço Técnico

Mostra o relacionamento entre os serviços e os componentes utilizados para produzi-los.

Categoria

Grupo nomeado de coisas que tenham algo em comum. Categorias são usadas para agrupar coisas similares.

Ciclo de Vida

As diversas fases na vida de um Serviço de TI, Item de Configuração, Incidente, Problema, Mudança, etc. O Ciclo de Vida define as categorias para status e transições de status que são permitidas. Por exemplo: o Ciclo de Vida de uma aplicação inclui requisitos, desenho, construção, teste, implementação, operação, otimização.

Classificação

O ato de associar uma Categoria a algo. Classificação é usada para garantir consistência no gerenciamento e geração de relatórios. ICs, Incidentes, Problemas, Mudanças etc. são normalmente classificadas.

Cliente

Alguém que compra produtos ou serviços. O Cliente de um Provedor de Serviços de TI é a pessoa ou grupo que define e faz acordo das metas de nível de serviço.

Configuração

Termo genérico, usado para descrever um grupo de Itens de Configuração que trabalham em conjunto para fornecer um Serviço de TI, ou uma parte identificável de um Serviço de TI. Configuração é também usada para descrever as definições de parâmetros de um ou mais ICs.

Contracto

Um acordo que vincula legalmente duas ou mais entidades.

Contrato de Serviço

Contrato para a entrega de um ou mais Serviços de TI. O termo Contrato de Serviço também pode significar qualquer acordo para entregar Serviços de TI, tanto se for um contrato legal ou um ANS.

Cumprimento de Requisição

The process responsible for managing the lifecycle of all service requests.

Desenho

Processo que identifica requisitos e então define uma solução que é capaz de atender esses requisitos.

Desenho do Serviço

Fase no ciclo de vida de um Serviço de TI. Desenho de Serviço inclui um determinado número de processos e funções.

Erro conhecido

É um problema que possui causa e solução de contorno documentado. Erros Conhecidos são criados e gerenciados por todo o seu ciclo de vida pelo Gerenciamento de Problema.

Evento

Mudança de estado a qual possui significado para o gerenciamento de um Item de Configuração ou Serviço de TI. Eventos são tipicamente notificações criadas por Serviço de TI, Item de Configuração ou ferramenta de monitoramento.

Fornecedor

Um Terceiro responsável por fornecer produtos ou serviços que sejam necessários para a entrega de Serviços de TI.

Gerenciamento de Ativos

Gerenciamento de Ativos é o processo de negócio responsável por rastrear e apresentar o valor e a responsabilidade financeira dos Ativos durante o seu ciclo de vida. Gerenciamento de Ativos é de um modo geral, parte do processo de Gerenciamento da Configuração e Ativo de Serviço.

Gerenciamento de Configuração

Processo responsável por manter as informações sobre os Itens de Configuração necessários para entrega de Serviços de TI, incluindo seus relacionamentos. Esta informação é gerenciada durante todo o ciclo de vida do IC. O Gerenciamento da Configuração é parte do processo mais abrangente chamado processo de Gerenciamento da Configuração e Ativo de Serviço.

Gerenciamento de Configuração e Ativos de Serviço

Processo responsável tanto pelo Gerenciamento da Configuração quanto pelo Gerenciamento de Ativos.

Gerenciamento de Conhecimento

Processo responsável por coletar, analisar, armazenar e compartilhar conhecimentos e informações com o restante da organização. O principal propósito do Gerenciamento do Conhecimento é a melhoria da eficiência através da redução da necessidade de redescobrir conhecimento.

Gerenciamento de Evento

Processo responsável por gerenciar eventos durante o seu ciclo de vida. Gerenciamento de eventos é uma das principais atividades de Operações de IT.

Gerenciamento de Incidente

Processo responsável por gerenciar o ciclo de vida de todos os incidentes. O principal objetivo do Gerenciamento de Incidente é restabelecer o Serviço de TI aos usuários o mais rápido possível.

Gerenciamento de Liberação

Processo responsável pelo planejamento, programação e controle de movimentar liberações para os ambientes de teste e produção. O objetivo principal do Gerenciamento de Liberação é garantir que a integridade do ambiente de produção seja protegida e que os componentes corretos sejam liberados.

Gerenciamento de Mudança

Processo responsável por controlar o ciclo de vida de todas as mudanças. O principal objetivo do Gerenciamento de Mudança é permitir que mudanças que gerem benefícios sejam feitas, com a mínima interrupção aos Serviços de TI.

Gerenciamento de Nível de Serviço

Processo responsável por negociar Acordos de Nível de Serviço e garantir que eles sejam cumpridos. Gerenciamento de Nível de Serviço é responsável por garantir que todos os processos do Gerenciamento de Serviço de TI, Acordos de Nível Operacional e Contratos de Apoio, sejam apropriados para as Metas de Nível de Serviço acordadas. Gerenciamento de Nível de Serviço monitora e rela-ta os Níveis de Serviço e mantém reuniões regulares de revisão com os clientes.

Gerenciamento de Problema

Processo responsável por gerenciar o ciclo de vida de todos os problemas. Tem a intenção de encontrar a causa dos problemas que acontecem na infraestrutura de TI. Os objetivos principais do Gerenciamento de Problemas são: prevenir incidentes de ocorrerem e minimizar o impacto de incidentes que não puderem ser prevenidos.

Gerenciamento de Serviço

Gerenciamento de Serviço é um conjunto especializado de habilidades organizacionais para fornecer valor aos clientes na forma de Serviços.

Histórico de Mudança

Informação sobre todas as Mudanças feitas em um Item de Configuração durante a sua vida. Histórico de Mudança consiste de todos os registros de mudança que se apliquem ao IC.

Impacto

Medida do efeito de um incidente, problema ou mudança em processos de negócio. Impacto normalmente é baseado em como os níveis de serviço serão afetados.

Incidente

É uma interrupção não planejada de um serviço de TI ou uma redução da qualidade de um serviço de TI.

Information Technology Infrastructure Library (ITIL)

Conjunto de Melhores Práticas que orientam o Gerenciamento de Serviço de TI.

Infraestrutura de TI

Todo o hardware, software, redes, instalações, etc que são necessárias para desenvolver, testar, entregar, monitorar, controlar ou suportar serviços de TI. O termo Infraestrutura de TI inclui toda a Tecnologia da Informação, exceto as pessoas, processos e documentação associada.

Item de Configuração (IC)

É um ativo, componente de serviço, ou outro item que está, ou estará sob o controle do Gerenciamento de Configuração. Ex: hardware, software, instalações, documentação, etc.

Liberação

Uma coleção de hardware, software, documentação, processos ou outros com-ponentes necessários para implantar uma ou mais mudanças aprovadas a Serviços de TI. O conteúdo de cada Liberação é gerenciado, testado e implantado como uma entidade única.

Melhor prática

Atividades ou Processos que comprovadamente obtiveram sucesso quando usado em várias Organizações. ITIL é um exemplo de Melhor Prática.

Monitoramento

Observação repetitiva de um Item de Configuração, Serviço de TI ou Processo para detectar eventos e garantir que o status corrente seja conhecido.

Mudança

O acréscimo, modificação ou remoção de qualquer coisa que possa afetar Serviços de TI. O Escopo deve incluir todos os Serviços de TI, Itens de Configuração, Processos, Documentos, etc.

Não se aplica

Indica que determinado item ou sessão não é aplicado ao assunto em questão.

Negócio

Uma entidade corporativa em geral ou organização constituída por um determinado número de unidades de negócio.

Nível de Serviço

Resultado relatado e medido em comparação com metas de nível de serviço. O termo Nível de Serviço é, algumas vezes, usado como um termo informal para meta de nível de serviço.

Plano de Melhoria

Plano formal para implantar melhorias a um processo ou Serviço de TI

Portfólio de Serviço

Representa todos os serviços em análise, em desenvolvimento, em produção ou obsoletos.

Prioridade

Categoria usada para identificar a importância relativa de um Incidente, Problema ou Mudança. A Prioridade é baseada no impacto e urgência, e é usada para identificar os tempos requeridos para que ações adequadas sejam tomadas.

Problema

É a causa de um ou mais incidentes.

Processo

Conjunto de atividades coordenadas combinando e implantando recursos e habilidades com o objetivo de produzir uma saída, a qual, direta ou indiretamente, cria valor para um cliente ou parte interessada.

Provedor de Serviço

Organização que fornece serviços de TI para um ou mais clientes.

Registro

Documento contendo os resultados ou outra saída de um processo ou atividade. Registros são evidências de fato que a atividade realmente ocorreu e pode ser feito em papel ou formato eletrônico.

Registro de Incidente

Registro que contém os detalhes de um Incidente. Cada Registro de Incidente documenta o ciclo de vida de um único Incidente.

Registro de Mudança

Registro que contém os detalhes de uma mudança. Cada registro de mudança documenta o ciclo de vida de uma única mudança. Um registro de mudança é criado para cada requisição de mudança que seja recebida, mesmo para aquelas que subsequentemente sejam rejeitadas. O registro de mudança deve referenciar os Itens de Configuração que serão afetados pela mudança.

Registro de Problema

Registro que contém os detalhes de um problema. Cada registro de problema documenta o ciclo de vida de um único problema.

Requisição de Mudança (RDM)

Pedido formal para uma mudança a ser realizada. Uma RDM inclui os detalhes da mudança solicitada e pode ser registrada em papel ou em formato eletrônico.

Requisição de Serviço

É uma requisição do usuário para uma informação, conselho, mudança padrão ou acesso a um serviço de TI. Uma Requisição de Serviço é geralmente tratada pela Central de Serviço e não requer a abertura de uma RDM.

Requisito

Um enunciado formal do que é requerido. Por exemplo: um requisito de nível de serviço, um requisito de projeto ou as entregas requeridas por um processo.

Requisito de Nível de Serviço (RNS)

Requisito do cliente em relação a um aspecto de um Serviço de TI. RNSs são baseados em objetivos de negócio e usados para negociar metas de nível de serviço acordadas.

Serviço

Ato essencialmente intangível. Representa um conjunto de atividades que objetivam entregar valor aos clientes, facilitando os resultados que os mesmos querem alcançar.

Solicitação

Uma solicitação pode resultar no registro de um Incidente ou de uma Requisição de Serviço.

Status

O nome de um campo requerido em muitos tipos de Registro. Ele mostra a fase corrente do ciclo de vida do Item de Configuração, Incidente, Problema etc. associado.

Tecnologia da Informação (TI)

Conjunto de todas as atividades e soluções providas por recursos de computação que visam permitir o armazenamento, comunicação, acesso e o uso das informações.

Tipo de IC

Categoria que é usada para classificar os ICs. O Tipo de IC identifica os atributos requeridos e os relacionamentos entre os registros de configuração.

Tipo de Solicitação

Categoria que é usada para distinguir os pedidos feitos à Central de Serviços. Os tipos de solicitação mais comuns são Incidente, Requisição de Serviço e Ordem de Serviço.

Usuário

Uma pessoa que usa o Serviço de TI no dia-a-dia. Usuários são diferentes de clientes, pois alguns clientes não usam o Serviço de TI diretamente.

Versão

Uma Versão é usada para identificar uma Baseline de um Item de Configuração. Versões tipicamente usam uma convenção de nomes que permite identificar a sequência ou data de cada Linha de Base. Por exemplo: o aplicativo folha de pagamentos versão 3 contém funcionalidades melhoradas em relação à versão 2.